CONHEÇA MELHOR A CIRURGIA DE CATARATA

http://catarata.consultoriacas.com/
Informações, Preços e Orçamentos - Especialista em Cirurgia de Catarata, Centro Especializado em São Paulo. 

Consulte-nos, será um prazer atender.


Atendimento Particular e Convênios:

Ø  Unimed Paulistana

Ø  Unimed Central Nacional

Ø  Unimed Fesp

Ø  Sul América Saúde

Ø  Bradesco Saúde

Ø  Medicervice

Ø  Gama

Ø  Marítima

Ø  Fundação Cesp

Ø  Amil Saúde

Ø  Omint

Para atendimento particular pacote oftalmológico incluso:

ü  Consulta, exames pré-operatórios
ü  Lente intra ocular importada
ü  Honorários médicos do cirurgião e anestesista

Conheça melhor o Centro Especializado em Cirurgia de Catarata preços, orçamentos clique aqui no Fale Conosco


CAS - SERVIÇOS ESPECIALIZADOS NA ÁREA DA SAÚDE - Fone: (11)5812-6835 - (11)96952-7032 
___________________________________________________________________________________________________________________

Cirurgia de Catarata

Catarata: definição e classificação.

A catarata é definida como qualquer opacificação do cristalino que atrapalhe a entrada de luz nos olhos, acarretando diminuição da visão. As alterações podem levar, desde pequenas distorções visuais, até a cegueira.

Inúmeros fatores de risco podem provocar ou acelerar o aparecimento de catarata, incluindo medicamentos (esteróides), substâncias tóxicas (nicotina), doenças metabólicas (diabetes mellitus, galactosemia, hipocalcemia, hipertiroidismo, doenças renais), trauma, radiações (UV, Raio X, e outras), doença ocular (alta miopia, uveíte, pseudoexfoliação), cirurgia intra-ocular prévia (fístula antiglaucomatosa, vitrectomia posterior), infecção durante a gravidez (toxoplasmose, rubéola), fatores nutricionais (desnutrição). 1

 
Pode ser classificada em :
 
• catarata congênita - presente ao nascimento

• catarata secundária - As cataratas secundárias aparecem secundariamente, devidos a fatores variados, tanto oculares (uveítes, tumores malignos intra-oculares, glaucoma, descolamento de retina, etc.), como sistêmicos. No último caso, podem estar associadas a traumatismos, moléstias endócrinas (diabete mellitus, hipoparatireoidismo, etc.), causas tóxicas (corticóides tópicos e sistêmicos, cobre e ferro mióticos, etc.), exposição a radiações actínicas (infravermelho, raios X, etc.), traumatismos elétricos, entre outras 2

• catarata senil - Opacidade do cristalino em conseqüência de alterações bioquímicas relacionadas à idade.

Aproximadamente 85% das cataratas são classificadas como senis, com maior incidência na população acima de 50 anos.3 Nesses casos não é considerada uma doença, mas um processo normal de envelhecimento.

Tratamento:

O tratamento clínico como prescrição de óculos, tem efeito transitório. O tratamento farmacológico, apesar de sua falta de evidencia é utilizado em alguns países da Europa, e por alguns oftalmologistas brasileiros, não tem efetividade comprovada. A correção cirúrgica é a única opção para recuperação da capacidade visual do portador de catarata senil.2
 
http://catarata.consultoriacas.com/
 
Referências
1 CBO, “ Catarata: Diagnóstico e tratamento”; Projeto Diretrizes; Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina”; 2003. Disponivel em:
 
2 Souza NV. Opacificações dos meios oculares. In: Rodrigues MLV, org. Oftalmologia para alunos de graduação em medicina. Legis Summa, Ribeirão Preto, 1992. p. 61-66.
 
3 Organización Mundial de la Salud. Catarata.In: OMS. Estratégias para la prevención de la ceguera em los programas nacionales.2 ed.OMS,Genebra, 1997,p.71-77

__________________________________________________________________________________________________________________________________________


 
   Lente Intra ocular na Cirurgia de Catarata, o que é importante saber.
http://catarata.consultoriacas.com/
Afinal qual o tipo de lente intra ocular ideal para a cirurgia de catarata?
A lente adequada será sempre aquela recomendada pelo médico oftalmologista. O importante é que o paciente tenha acesso ao melhor tipo de material e medicamento disponível, tenha um atendimento humanizado seja ele Particular ou atendimento pelo SUS Sistema Único de Saúde.

Qual a diferença entre a lente nacional e a importada? 
Se pesquisarmos sobre as lentes nacionais na internet encontraremos comentários e afirmações dos profissionais médicos de que elas são de boa qualidade, e que a desvantagem está na incisão feita pelo cirurgião para colocação da lente, pois trata-se de uma lente rígida (não dobrável), sendo necessário incisão e sutura no olho, com isso o paciente terá uma recuperação mais lenta aumentará o risco de infecção dentre outros problemas. Ao contrário das lentes importadas (flexível e dobrável)  onde a incisão cirúrgica é pequena sem necessidade de pontos.

A lente nacional é segura?
Existem certamente casos de pacientes que se submeteram ao procedimento com a lente nacional e tiveram bons resultados. O fato é que o paciente quer sempre o melhor e a grande maioria não esta disposta a assumir maiores riscos, colocando a saúde ocular em primeiro plano, optando assim pela lente importada (flexível).

Alem da lente ou LIO, o que mais é importante para o sucesso da cirurgia de catarata?
O paciente geralmente se preocupa com o tipo de lente intra ocular que será usada em sua cirurgia, o que é natural, a qualidade é imprescindível. Na busca pela melhor opção o paciente se depara com casos que envolvem “valores” que alguns planos de saúde não cobrem. 
É realmente importante pesquisar preços de materiais e medicamentos pois eles podem  variar muito, sem esquecer-se do centro cirúrgico e equipe adequado e da experiência do profissional cirurgião que é fundamental para o resultado final da cirurgia de catarata.

Cas Saúde




O Centro Especializado em Cirurgia de Catarata, também é referência para pacientes moram no Interior de São Paulo e outros Estados do Brasil.

http://catarata.consultoriacas.com/

Apesar de estar localizado no centro de São Paulo próxima a Avenida Paulista, o Centro Cirúrgico Especializado em Cirurgia de Catarata, é uma referencia até para os municípios vizinhos como: São Bernardo do Campo, Santo André, Guarulhos, Taboão da Serra, Itapecerica da Serra, São José do Rio Preto, Araçatuba, Araraquara, Piracicaba, Limeira, Araras, Bragança Paulista, Atibaia, Taubaté, Mogi da Cruzes, Ribeirão Preto, Campinas, Osasco, Sorocaba, Santos, Caraguatatuba, Ubatuba e São José dos Campos, porque recebe pacientes destas regiões. Também realiza cirurgia de catarata em pacientes do Rio de Janeiro, Salvador Bahia e região nordeste, Santa Catarina, Paraná ,Minas Gerais e Goiás. 

Receber pacientes de outras regiões e estados é motivo de orgulho e indicador para agregar cada vez mais na modernização, tecnologia e qualidade nos serviços.

Podemos realizar a consulta e a cirurgia no mesmo dia, realizamos avaliação e os exames pré operatórios no período da manhã, e o procedimento cirúrgico no período da tarde. Esta exceção fazemos apenas para pacientes que moram no interior e fora de São Paulo, tem como objetivo breve retorno do paciente a sua cidade de origem. (só será possível com devido planejamento).


Para mais informações  clique aqui no Fale Conosco


Será um prazer atendê-lo.    

"Quando o paciente procura realizar uma cirurgia é comum pesquisar preços, porém, o mais importante é o histórico e a experiência do médico especialista"



________________________________________________________________________


CIRURGIA DE CATARATA NOS ESTADOS UNIDOS.

 

A catarata é uma das principais causas de cegueira entre adultos mais velhos nos Estados Unidos.

Mais de 20 milhões de americanos com 40 anos ou mais velhas têm cataratas. Mais da metade de todos os americanos têm cataratas no momento em que completam  80 anos de idade. A catarata também pode às vezes ser encontradas em pessoas jovens ou bebês recém-nascidos, mesmo .*

 

Você está em risco? *

A causa exata de uma catarata é desconhecida. Na maioria das vezes, a catarata é parte do envelhecimento. Conforme você envelhece, você está em maior risco de desenvolver catarata. Existem também vários possíveis fatores de risco para catarata, tais como:

·         Calor intenso ou ao longo prazo a exposição aos raios UV do sol

·         Certas doenças, como diabetes

·         Inflamação no olho

·         Influências hereditárias

·         Eventos antes do nascimento, tais como sarampo alemão na mãe

·         Longo prazo o uso de esteróides

·         Ferimentos nos olhos

·         Doenças oculares

·         Fumante


Os sintomas da catarata *

Geralmente, a catarata não causa dor, vermelhidão ou lágrimas. Os seguintes problemas podem indicar que você tem uma catarata:

·         Você tem a visão turva, visão dupla, imagens fantasmas, ou o sentido de um "filme" sobre seus olhos.

·         Luzes aparecem demasiadamente fraca, para leitura de perto você enxerga "deslumbrado" pela luz forte.

·         Você pode alterar as prescrições de óculos e muitas vezes a mudança não parece ajudar a sua visão.

Você também pode ser capaz de ver a catarata em seu olho. Pode parecer na sua pupila um lugar leitoso ou amarelado.

 

Opções de tratamento

Quando os sintomas começam a aparecer, você pode ser capaz de melhorar a sua visão por um tempo usando óculos novos, bifocais forte, ampliação, iluminação adequada ou outros recursos visuais.

Pensar sobre a cirurgia enquanto sua catarata evoluiu o suficiente pode prejudicar seriamente sua visão e afetar sua vida diária. Muitas pessoas consideram a perda de visão um fato inevitável do envelhecimento, mas a cirurgia do olho de catarata é um procedimento simples e relativamente indolor para recuperar a visão.


Cirurgia de catarata do olho é muito bem sucedido em restaurar a visão. Na verdade, é a cirurgia mais realizada nos Estados Unidos, com mais de 1,5 milhões de cirurgias de catarata do olho feito a cada ano. Nove em cada 10 pessoas que fizeram a cirurgia de catarata do olho recuperaram a visão muito boa, em algum lugar entre 20/20 e 20/40.

Durante a cirurgia, o cirurgião remove o cristalino, e na maioria dos casos substituí-lo com uma clara lente intra-ocular, plástica ocular (LIO).

 




FONTE: VISTAR EYE CENTER – ESTADOS UNIDOS

http://www.vistareye.com/cataract.html

______________________________________________________________________________________________________________


Oftalmologia Centro de Barraquer - Espanha
(Texto traduzido do Espanhol)

Quando a visão se torna muito nublada

Essa condição ocorre na lente da lente natural do olho que pode focalizar objetos próximos e distantes. Quando o cristalino perde a transparência, as imagens são nebulosas e, com o aumento da opacidade, perdemos a acuidade visual. A cirurgia pode, no entanto, restaurar a visão normal e até melhor do que tinha há muito tempo.

A catarata é uma das doenças oculares mais comuns em pessoas idosas. A lente é um corpo de pequenas células nos olhos e ao longo dos anos perde suas propriedades, fazendo com catarata. Por conseguinte, devemos descartar a velha idéia popular de catarata como uma "teia" que crescem sobre ou na frente da pupila. Vários fatores explicam a formação de catarata e, como em muitos processos ligados à idade, não é fácil distinguir entre as mudanças decorrentes do envelhecimento e as patologias fisiológicas real. O fato é que a lente se torna mais colorida com a idade, a partir de marrom-amarelada tornando-se mais escura, e as proteínas em altas concentrações são adicionados em "pedaços dispersão de luz". O resultado é um filtro que limita a passagem da imagem e degrada a sua qualidade.

Todas as cataratas tendem a progredir, geralmente lenta e gradual, mas a perda visual em estágios avançados pode ser percebido pelo paciente como uma mudança relativamente rápida. Nunca transmitida entre pessoas e entre os olhos, mas a norma é que ambos são afetados, se não ambos, no decorrer de alguns anos, casos unilaterais são, na verdade, devido a outras causas que têm afetado um olho, incluindo trauma (que pode ter ocorrido no passado distante) ou outros processos oculares.

Os tipos de cataratas

Além de catarata senil, pode haver outros tipos de todas as idades, desde a hereditariedade congênita e infantil, ou outros distúrbios do desenvolvimento, para o secundário a trauma ou doença, incluindo o local ou geral. Apesar de todas estas formas são menos freqüentes do que as relacionadas com a idade, o estudo é importante por causa de eventuais medidas preventivas e de tratamento médico. Há cataratas associadas com doenças metabólicas, como diabetes ou galactosemia mais rara (que, hipercalcemia, etc.) Cuja correção nível geral pode ajudar a evitar. Eles também dizem respeito a uma variedade de doenças inflamatórias do olho (uveíte), por sua vez associada em muitos casos, esses processos reumatológicas ou sistêmica do sistema imune ou doenças degenerativas, tais como a distrofia miotônica, certas doenças de pele, etc. Finalmente, algumas cataratas ocorrer como um efeito colateral de vários medicamentos, entre eles corticóides.

A catarata pode ocorrer após lesões traumáticas como contusões de olho aberto, mesmo após outras cirurgias ou por agentes de vários tipos, se químico ou físico, como electrocussão ou radiação. Existem várias classificações da catarata de acordo com sua morfologia, o envolvimento de diferentes partes do cristalino (catarata cortical, nuclear, subcapsular, cortical, nuclear, etc), ou o grau de sua evolução. Isto ajuda o cirurgião a decidir o tipo de técnica cirúrgica mais adequada em cada caso.

A catarata termo "maduro" refere-se a um nível que a opacidade não permite qualquer ponto de vista dentro da estrutura do olho por trás dele. Foi utilizado no passado como um indicador de tempo para a cirurgia. No entanto, agora raramente atinge esta situação, pois a catarata pode ser operada no momento em que começam a afetar a visão em qualquer grau, para limitar a capacidade ou a qualidade de vida dos pacientes.

Tratamento da catarata

Na catarata incipiente medidas de mitigação podem ser tomadas conservadora como o uso de óculos escuros para evitar ofuscamento ou pós-graduação se há um defeito de refração. Normalmente, o princípio mais velhas pessoas com cataratas do aviso que você começa a ler novamente sem óculos para presbiopia, embora esta melhora é temporária e indica que as cataratas podem causar miopia (que faz com que o olho focalizar de perto, mas não muito) . No entanto, o tratamento definitivo permanece cirúrgico de catarata. Apesar do esforço de investigação considerável neste domínio e que teria valor evidente, não existe ainda nenhum tratamento químico para prevenir ou curar eficazmente as cataratas relacionadas à idade.

Embora as palavras "cirurgia" ou "ou" sempre dão um certo respeito, a intervenção das quedas é realmente um rápido e indolor, altamente eficaz e muito baixo risco. A operação envolve a remoção do conteúdo cristalino opaco e substituí-la por uma lente de contato ou lente artificial. Isso geralmente é feito em regime ambulatorial sob anestesia local, sem que o paciente permaneça no hospital. Ela opera cada olho separadamente, mas o tempo entre os dois muitas vezes pode ser reduzido para uma semana ou menos, como recomendado pelo seu médico.

Avanços na cirurgia de catarata, fizeram dele um dos mais bem sucedidos, e certamente é o mais praticado entre todos os campos da medicina em pessoas acima de 65 anos. Após a cirurgia, a maioria dos pacientes notam uma melhora notável "e nunca tinha visto." Embora a impressão inicial é, geralmente, como em tudo, em caráter temporário, é verdade que a intervenção pode melhorar não só o defeito causado pela catarata em si, o tipo de refração (como miopia ou hipermetropia) que o paciente teve toda a vida.

A cirurgia de catarata evoluiu especialmente nas últimas décadas, os avanços técnicos na microcirurgia ocular e no desenvolvimento de lentes intra-oculares. Isso tornou possível para a cirurgia pequena incisão sem sutura, o que facilita o trabalho com anestesia local ou tópica em nível ambulatorial.

A idéia de substituir a lente por uma lente intra-ocular remonta ao século XVIII. Segundo Casanova conta em suas memórias, ele conheceu uma rua obscura chamada de cirurgião Tadini, que até então se gabava de ser capaz de fazê-lo. A verdade é que as primeiras lentes não são implementados com sucesso após a segunda Guerra Mundial, quando um oftalmologista Inglês, Harold Ridley, observou que os fragmentos de plástico incorporado aos olhos dos pilotos de caça foram surpreendentemente bem tolerada e projetou uma lente do mesmo material.

Desde então, temos progredido muito e agora não consigo conceber a cirurgia de catarata sem implante de lente intra-ocular. Esta baniu os óculos tradicionais de elevada ampliação usado por operados pelas técnicas acima. As lentes intra-oculares estão em constante evolução de tecnologia, tanto em design e materiais. Nós fomos de lentes duras para dobrar, e injetá-las com o diâmetro através de incisões cada vez menores. Atualmente, existem lentes que podem ser implementadas por menos de 2 milímetros. Em paralelo, as técnicas evoluíram, especialmente após a introdução do método de ultra-som (facoemulsificação ou sonofacoaspiración), atualmente visto como clássico.

Os próximos desafios

Já há algum tempo se ampliou muito à idéia de uma cirurgia de catarata com laser. Esta é realmente uma lenda urbana, eventualmente pago pelo valor de quase mítica do laser da palavra, às vezes usado incorretamente para referir-se a cirurgia com ultra-som. Em oftalmologia utilizados vários tipos de lasers para aplicações que vão desde o tratamento da retina aos dos ductos lacrimais e de muito mais cedo do que em outras especialidades médicas. No campo da catarata geralmente é aplicado para corrigir opacificação capsular, que pode ocorrer em uma minoria de pacientes, alguns anos após a operação. Sua aplicação em si, a cirurgia de catarata (faco-laser) tem sido tentada com eficácia limitada, por isso, neste momento, esta tecnologia tem sido renegada.

Por seu turno, os equipamentos de ultra-sons a evolução para uma menos invasivas e mais eficientes de utilização de números com a diminuição da energia. Como alternativa à ultra-sonografia, técnicas manuais foram desenvolvidos (facofragmentación) que permitem a extração da catarata por incisão relativamente pequeno, sem equipamentos sofisticados. É especialmente útil em algumas partes do mundo onde a tecnologia avançada disponível. A técnica Aqualase (hidrofacoaspiración) é outra alternativa que usa pulsos ultracurtos de água pressurizada para liquefazer a catarata e, em seguida, chupar. Assim, evita o aquecimento possível ou trauma resultante de ondas de choque de ultra-som.

A cirurgia de catarata século XXI enfrenta dois desafios principais. Em primeiro lugar, o objetivo de restaurar todas as funções da lente. Em segundo lugar, temos o problema global das cataratas. Até agora, as lentes intra-oculares têm sido capazes de tratar eficazmente a abordagem estática, incluindo pré miopia ou hipermetropia. Com eles é muitas vezes evitado a necessidade de óculos para longe, mas não é assim com o de óculos para perto. Atualmente, existem lentes intra-oculares bifocais, multifocais, e até mesmo desenhos diferentes variável focal. Todos estes permitida em muitos casos, mais ou menos uma visão sem óculos para longe e perto. No entanto, eles não são sem limitações e ainda não conseguiu restaurar completamente o alojamento fisiológico, sua capacidade de se adaptar dinamicamente e continuamente variável em todas as distâncias de trabalho. O conceito de faco-ersatz (substituto da lente), atualmente em fase piloto, prossegue este objectivo. Ao substituir o conteúdo da lente por injeção dentro do saco capsular de um gel transparente, elástico e adequadas propriedades ópticas, que iria construir e reproduzir os mecanismos fisiológicos de alojamento.

No entanto, apesar de ser uma condição remediável e os grandes avanços, as quedas continuam a ser principal causa de cegueira no mundo. Infelizmente, a disponibilidade da cirurgia é inadequado em muitas regiões subdesenvolvidas. Junto com o crescimento da população e a esperança de vida foi estimado que o número global de catarata cego poderia ultrapassar 100 milhões em 2020. Basta fazer um grande esforço para alcançar a solidariedade para corrigir a tendência atual. Isso requer um impacto sobre todos os aspectos necessários para organizar de forma eficiente de detecção para o tratamento da catarata. De particular importância é a dedicar recursos suficientes para a formação de cirurgiões em técnicas atuais, para não mencionar o técnico de saúde, cujo papel pode ser crucial nestas regiões. Este é o segundo e, sem dúvida, o maior desafio que enfrentamos as quedas no futuro imediato.

Técnicas em Cirurgia

Como um decálogo, podemos citar dez técnicas utilizadas na cirurgia de catarata. Algumas foram um grande avanço, mas deram lugar a outros menos e menos invasivo.

1.Extracción Intracapsular. Seu uso foi predominante até o terceiro trimestre do século XX. Toda a lente é extraído e que exigia uma grande incisão no olho e pontos múltiplos.

2.Extracción. A lente está aberta e esvaziada do seu conteúdo (a catarata), deixando no local o seu apoio embalagem transparente de lente intra-ocular. Requer extensa incisão e sutura.

3.Facoaspiración. A catarata é removida aspirativa por agulha oca suave através de uma incisão pequena. É o mais comum em crianças e adultos jovens, actualmente com sistemas de irrigação-sucção.

4.Facoemulsificación (sonofacoaspiración). extração de vácuo técnica predominante hoje em dia, assistida por vibração ultra-sônica da agulha oca, que os fragmentos ou liquefaz o núcleo da catarata. Sutureless pequena incisão.

5.Facofragmentación. A catarata é removida manualmente através de uma incisão na linha média ou pequena e quase imperceptível. Muito útil em ambientes onde a avançada tecnologia disponível.

6.Aqualase (hidrofacoaspiración). Tecnologia alternativa para a extração da catarata pequena incisão, com base em micropulses água pressurizada para liquefazer o núcleo.

7.O Faco. Com a energia do laser está procurando fragmento ou ablação a lente, mas os sistemas disponíveis até o momento não conseguiram efetivamente permitir uma execução comum.

8.Microincisión. É feita uma incisão menor ainda, menos de dois milímetros, para a cirurgia de ultra-som. As agulhas são usados sozinhos ou em miniatura sistemas coaxial.

9.Lentes Multifocal intraocular. Implantes para substituir a lente óptica que duas ou mais distâncias focais. Eles tornam possível sem os óculos de visão de longe e de perto.

10.Phaco-ersatz (lente substituto). Cirurgia de catarata com restauração completa de um alojamento semelhante à dinâmica fisiológica. O saco capsular é preenchida com um gel transparente. Permite uma boa visão em todas as distâncias.

FONTE: BARRAQUER CENTRO DE OFTALMOLOGIA – Espanha
http://www.co-barraquer.es/cast/index.htm

_________________________________________________________________________________________________________________________

Cirurgia de Catarata: O Retorno de Uma Boa Visão

Mais de cinqüenta por cento das pessoas com mais de 60 anos sofrem de catarata – um turvamento progressivo do cristalino, que interfere na absorção da luz que chega à retina. Com isto, perde-se na qualidade da visão.

Os portadores de catarata normalmente a explicam como se estivessem olhando através de uma queda de água ou através de uma folha de papel, de forma embaçada ou com a diminuição da visão.

Assim, a leitura fica muito mais difícil e até dirigir um carro pode ser perigoso. Além disso, o portador decatarata pode sentir incômodos com luz forte ou até ver halos de luz.

Segundo estudiosos do assunto, o uso de óculos , em um momento inicial pode até a ajudar, mas com o agravamento da catarata, a visão vai diminuindo gradativamente. Como não existem medicamentos que possam reverter este problema, a única solução é a remoção cirúrgica.

Evolução da Cirurgia

Atualmente a cirurgia de catarata é realizada em ambulatórios e consultórios e pode demorar apenas alguns minutos. Logo após a intervenção os pacientes recebem alta, vão para casa, necessitando apenas de alguns cuidados essenciais e orientação médica.

Fato que mudou completamente, se compararmos com alguns anos atrás, com internações de uma semana ou mais, além de uma série de complicações.

Hoje a cirurgia de remoção da catarata se dá através por meio de uma técnica chamada de facoelmulsificação ou cirurgia de catarata com pequena incisão.

É usada uma anestesia tópica (local) na parte branca do olho (esclera) ou na córnea clara (logo acima da área onde a córnea encontra a esclera). Assim, a catarata é fracionada em partículas microscópicas usando o ultra-som e sendo aspirada pelo olho. Para compensar a remoção do cristalino, implanta-se uma lente intra-ocular.

Com a evolução da oftalmologia, a cirurgia de catarata hoje é muito simples, pois medicamentos como os colírios anestésicos usados na cirurgia evitam desconfortos para portadores do problema, além da própria técnica que evoluiu significativamente.

Assim, as pessoas podem se sentir mais seguras e confiantes no resultado final da cirurgia. Graças à evolução atual nesta área, os resultados são excelentes.

Quanto à recuperação é preciso considerar que as pessoas são fisicamente diferentes, mas uma grande maioria apresenta melhoras quase que imediatas, podendo retornar as atividades em dois ou três dias.

Outras pessoas informam estarem muito melhores do que no período anterior ao surgimento da catarata. Em alguns casos, tempos após a cirurgia, pode ocorrer um embaçamento da membrana que se localiza atrás na pupila, problema este que pode ser resolvido através um de tratamento rápido no próprio consultório médico.

Procure um bom especialista em oftalmologia para fornecer todas as orientações necessárias, antes da decisão final.

                                                                                                                                                                                                                           Fonte:http://boasaude.uol.com.br/
________________________________________________________________________________________________________________________________________



Links Relacionados: 
Centro Especializado em Cirurgia de Catarata


 http://catarata.consultoriacas.com/ http://catarata.consultoriacas.com/

CAS SAÚDE - SERVIÇOS ESPECIALIZADOS NA ÁREA DA SAÚDE  
Fone: (11) 96952-7032  









Importante: As informações contidas no site e suas fontes servem apenas para complementar, nunca deve ser utilizada como substituto para diagnóstico médico ou tratamento de qualquer doença sem antes consultar um médico. Consulte sempre o seu médico.

Subpáginas (1): VÍDEOS